notícias

A agroecologia precisa de mais apoio para se desenvolver, diz Rasca

A agroecologia precisa de mais apoio para se desenvolver, diz Rasca

Quinta-Feira, 29 de Maio de 2014

O deputado estadual Rasca Rodrigues (PV) disse, durante a abertura do “Paraná Agroecológico 2014”, que é preciso quebrar paradigmas para se mudar o atual modelo de produção de alimentos no Brasil e no mundo. “Não podemos mais aceitar o modelo imposto pelo agronegócio. Esta agricultura extensiva baseado no latifúndio e no uso indiscriminado do agrotóxico só será revertida com o apoio cada vez maior e mais eficiente à agroecologia. Incentivando cada vez mais a produção de alimentos pelo processo social, econômico e ambiental sustentável que a agroecologia representa”, declarou.

O “Paraná Agroecológico 2014” acontece no setor de Ciências Agrárias, da Universidade Federal do Paraná e vai até o dia 1º de junho, envolvendo vários setores técnicos ligados à agroecologia e diferentes públicos, entre os quais agricultores familiares, estudantes, professores, extensionistas rurais, profissionais do setor e consumidores. O evento é promovido pelas secretarias estaduais da Agricultura e do Abastecimento e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, com a parceria das prefeituras de Curitiba e da Lapa, e apoio da UFPR.

Rasca lembrou que no ano passado a Assembleia Legislativa aprovou o projeto de lei de incentivo ao sistema de produção agroecológico no Paraná de autoria do deputado estadual Elton Welter (PT) e que depois acabou vetado. “Nós trabalhamos e conseguimos reverter esta situação com o governador Beto Richa. Este é um exemplo de quanto é forte a resistência aos novos modelos de produção. O lobby contra é forte na Assembleia”, destacou Rasca, que lembrou que depois disso o governo abraçou a causa e criou o Programa Paraná Agroecológico. “Só na pressão podemos mudar as coisas.”.

O secretário de Agricultura do Paraná Norberto Ortigara disse que o evento  é importantíssimo e que é por isso que o Governo do estado apoia a iniciativa. “É um compromisso nosso apoiar a agroecologia. Nós defendemos um modelo de produção sustentável e fazemos a melhor política de apoio ao setor”, disse ele. O secretário também elogiou a postura do deputado Rasca na defesa da agroecologia. “O Rasca é comprometido com a causa. E como agrônomo defende a agroecologia com muita propriedade.”

VEJA TAMBÉM

Projeto que proíbe a retirada de penas de aves vivas é aprovado na ALEP
Estudo com diretrizes para o uso sustentável da APA da Escarpa Devoniana é apresentado na Assembleia
  Comitê reconhece o trabalho da Assembleia no arquivamento do projeto da APA da Escarpa Devoniana
Dia da Luta contra Discriminação Racial passa na Comissão de Direitos Humanos
Desenvolvido por
Ubis Ideias Digitais logo
Ideias digitais